CEDOC Digital

CEDOC Digital

CEDOC Digital

O Cedoc Digital integra os recentes esforços da Funarte para democratização da informação e do conhecimento sobre arte e cultura brasileiras através da digitalização de parcelas dos acervos que estão sob a sua guarda. Essa iniciativa possui relação direta com ações anteriores e que agora culminam com o lançamento dessa ferramenta de difusão.

Merece destaque aquela que pode ser considerada a experiência pioneira desse longo processo: o projeto Brasil Memória das Artes, de 2006. Com o aporte de recursos oriundos de edital promovido pela Petrobrás, iniciou-se uma ampla frente de trabalho que realizou o tratamento de grande quantidade de documentos do Cedoc – registros iconográficos, textuais, sonoros presentes em sua coleção bibliográfica e nos Arquivos Privados – e possibilitou a estruturação do Canal Virtual como veículo de divulgação voltado para a internet.

Em 2009, novamente com apoio financeiro advindo de patrocínios diversos (Petrobrás, Itaú Cultural e CSN), foi desenvolvida uma nova estratégia de comunicação entre a Funarte e o cidadão: o Portal das Artes. No ano seguinte, foi elaborada a área Brasil Memória das Artes dentro do Portal, que, assim como o seu precursor Canal Virtual, trabalhava com a difusão dos acervos digitalizados por intermédio de uma perspectiva editorial.

O Cedoc Digital se situa nessa longa cronologia em que digitalização e acesso se colocaram como grandes desafios para a instituição. No entanto, passados 10 anos da criação do Brasil Memória das Artes, a atual proposta consiste em possibilitar ao usuário que ele próprio elabore seu conteúdo a partir da infinidade de usos que os documentos aqui apresentados podem assumir enquanto fontes de trabalho, de pesquisa, de inspiração.

Ainda que contenha um espaço para publicação de trabalhos diversos – à medida que forem sendo elaborados – tais como artigos, textos técnicos e instrumentos de busca, o Cedoc Digital tem como missão dar protagonismo e visibilidade aos documentos e aos seus respectivos acervos. Com o objetivo de cumprir com este propósito, serão apresentadas seleções, vitrines temáticas resultantes do olhar curatorial da equipe do Cedoc.

O tema adotado pode ser o próprio fundo ou coleção a que pertencem ou uma proposta que articule vários arquivos pessoais ou mesmo segmentos do acervo, como um todo. Portanto, fica o convite para que essa página seja apenas o início de uma experiência enriquecedora e frutífera que o contato com patrimônio documental do Cedoc/Funarte pode proporcionar, pois, como sentenciou Ferreira Gullar: “A arte existe porque a vida não basta”.

Referências:
http://portais.funarte.gov.br/brasilmemoriadasartes/acervo/o-projeto/o-cedoc-e-o-projeto-brasil-memoria-das-artes/
http://portais.funarte.gov.br/brasilmemoriadasartes/acervo/o-projeto
http://portais.funarte.gov.br/brasilmemoriadasartes/acervo/o-projeto/brasil-memoria-das-artes-foi-embriao-dentro-do-canal-virtual/
http://portais.funarte.gov.br/brasilmemoriadasartes/acervo/o-projeto/por-dentro-da-memoria/


Explore os Acervos do CEDOC Digital