Início do conteúdo
Notícias Projetos contemplados com o Prêmio Funarte Mulheres nas Artes Visuais – 2ª edição terão ações em seis estados brasileiros

Funarte Notícias

Publicado em 29 de janeiro de 2015

Projetos contemplados com o Prêmio Funarte Mulheres nas Artes Visuais – 2ª edição terão ações em seis estados brasileiros

Palestras, exposição, publicação de livro, seminário, residência, produção de curta-metragem, mapeamento, oficinas, intervenções e produção de cordel são algumas das atividades a serem desenvolvidas no primeiro semestre de 2015

Projetos contemplados com o Prêmio Funarte Mulheres nas Artes Visuais – 2ª edição terão ações em seis estados brasileiros

Realizado pela Funarte, Ministério da Cultura e Secretaria de Política para as Mulheres, o Edital Prêmio Funarte Mulheres nas Artes Visuais visa o reconhecimento das mulheres nas artes visuais por meio de seleção de projetos, em âmbito nacional, de proponentes do sexo feminino.

Em sua segunda edição, foram inscritos mais de 600 projetos, dos quais 10 foram contemplados. A comissão de seleção foi composta por sete profissionais, cinco representantes da cada região do país e dois representantes da Funarte. Cada proponente recebeu premiação no valor de R$ 70 mil para realização de seus projetos.

As ações dos projetos serão realizadas no decorrer do primeiro semestre de 2015, nas cidades de Ceará, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Bahia e São Paulo. Entre as atividades estão: palestras, exposição, publicação de livro, seminário, residência, produção de curta-metragem, mapeamento, oficinas, intervenções e produção de cordel.

As agendas contendo as informações sobre os projetos serão divulgados no portal Funarte.

Abaixo resumo sobre os projetos contemplados, elaborados pelas proponentes:

. A01 [COD.19.1.1.43] – A27 [S/COD.], um livro de artista
de Rosângela Rennó

Produção de quatro livros fotográficos, em formato álbum com características artesanais e inspirados nos álbuns de fotografia do século XIX, como fechamento do projeto de livro de artista baseado no furto sofrido pelo Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro, em 2006. O lançamento será acompanhado de mesa redonda.

. Da Escrita, Delas, Elas
de Burburinho Cultural Produções Artísticas

É um projeto expográfico a ser realizado na Galeria do Lago, no Rio de Janeiro. O objetivo Da escrita, delas, elas é reunir e identificar processos artísticos, modos de agir e de fazer de artistas, escritoras e agentes culturais brasileiras, de diferentes gerações e regiões, atuantes no cenário nacional. Um denominador agrega essas profissionais: a utilização da escrita, seja como meio de expressão principal, seja como matéria, objeto e/ou suporte para trabalhos em artes visuais.

. Das Urhaus – A Casa Primordial – O universo de Karin Lambrecht
de
Karine Medeiros Emerich

A Casa Primordial – Das Urhaus aborda o universo de Karin Lambrecht, artista plástica que nasceu e vive em Porto Alegre, através da linguagem audiovisual. O projeto resulta em duas obras, um filme curta metragem e um documentário para televisão, que buscam públicos diferenciados e se complementam.

ERVAS SP 2014 – Ocupação – Elevado Costa e Silva
de Laura Lydia Burtscher

Será realizado um mapeamento da flora que brota no “Minhocão” e intervenções ao lado de uma representante de cada espécie – desenho da própria planta e seu nome científico. Um blog acompanhará o desenvolvimento do projeto. Ao final, serão organizadas duas expedições coletivas, concluindo o encontro com a exibição de um vídeo e a distribuição do catálogo.

. Maravilhas – Histórias e memórias afetivas
de
Rosana Almendares

O projeto Maravilhas – histórias e memórias afetivas registra em vídeos e livros de artista, histórias que fazem parte da memória da fronteira sul do Brasil, narradas por seus moradores. O trabalho será exposto em galeria de arte e DVDs serão doados para instituições culturais da região.

. MATRIZ – Encontro de grafias femininas
de Ana Claudia Barbosa Isidorio

MATRIZ – Encontro de Grafias Femininas – Na anatomia é sinônimo de útero e nos processos gráficos é o veículo que origina estampas. O MATRIZ vai reunir mulheres que tenham relação com as artes gráficas para uma vivência entre exposições, conversas e produção visual na região do Cariri Cearense.

. Natureza Morta
de
Ines Karin Linke Ferreira

Plantas diversas são coletadas para produzir arranjos e formar um arquivo da geografia natural do Rio. A obra consta de uma série fotográfica de arranjos, produzidos por floristas locais a partir de capins e matos coletados em diversos locais da cidade, um mapa que constrói uma história visual da origem e localização dos exemplares colhidos e um vídeo.

. Por isso (não) provoque!
de
Denise Bendiner

O projeto realizará um seminário com curadoras, críticas de artes visuais e artistas de várias regiões do país para aprofundar a discussão sobre a produção de artes visuais, uma oportunidade efetiva de aumentar o conhecimento sobre as estruturas da arte e os possíveis meios de qualificá-la.

. Processos Fotográficos – Ensaios Para Uma Poética Experimental
de F
ernanda de Oliveira Antoun

Processos Fotográficos – Ensaios para uma poética experimental busca discutir a relevância no emprego de métodos fotográficos arcaicos no atual estágio da arte contemporânea, através de uma residência, com acompanhamento da artista Anna Bella Geiger. O resultado será publicado em livro e mostrado ao público em uma mesa-redonda.

. Wilma Martins: Cotidianos/Redesenhos
de Fernanda Cardoso Lopes

O projeto Wilma Martins: Cotidianos/Redesenhos é parte das comemorações pelos 80 anos de vida e 60 anos de carreira de Wilma Martins. O objetivo é produzir duas publicações, fac-símiles de cadernos de desenhos da artista mineira – um de obras realizadas em pintura e outro realizado em viagens.

Sobre a 1ª Edição do Edital Prêmio Funarte Mulheres nas Artes Visuais

A primeira edição do edital contemplou 10 proponentes que realizaram suas ações nas cidades de Vitória, Florianópolis, Belém, Campo Grande, Recife, Rio de Janeiro,  São Paulo, Belo Horizonte e Porto Alegre. As proponentes contempladas receberam o valor de R$ 70 mil para a execução de seus projetos, que abordam diversas atividades como:  performance, intervenção urbana, seminário, publicação, exposição, criação livre em fotografia, entre outras.

Acesse o site de alguns projetos contemplados na primeira edição do Prêmio:

Atelier como espaço de conversa: diálogos femininos em foco na Subterrânea | Lilian Maus

http://mulheresnaartecontemporanea.wordpress.com/

em lugar nenhum/em todo lugar | Jacqueline Belotti

http://sites.xpd.com.br/lugarnenhum/

Entre Saltos | Coletivo Pi

http://www.coletivopi.com/

Projeções do feminino – Mulheres da Amazônia dando luz às cidades | Roberta Carvalho

http://projecoesdofeminino.hotglue.me/