Início do conteúdo
Notícias Funarte Brasília recebe imagens do cotidiano da cidade

Funarte Notícias

Publicado em 20 de maio de 2015

Funarte Brasília recebe imagens do cotidiano da cidade

Exposição 'Narrativas Cotidianas', de Bruno Baptistelli, com curadoria de Tomás Toledo, estará aberta à visitação na Galeria Fayga Ostrower, de 28 de maio a 12 de julho

Funarte Brasília recebe imagens do cotidiano da cidade Imagens do acervo do projeto colhidas na Internet

No dia 28 de maio, quinta-feira, às 19h, será aberta a exposição Narrativas Cotidianas, individual de Bruno Baptistelli, na Galeria Fayga Ostrower, no Complexo Cultural Funarte Brasília. O projeto foi contemplado com Prêmio Funarte de Arte Contemporânea 2014 – Atos Visuais Funarte Brasília. A mostra de fotografia, pintura e design estará aberta à visitação pública até dia 12 de julho, de segunda-feira a domingo, das 9h às 21h, com entrada gratuita.

Com curadoria de Tomás Toledo, a exposição apresenta trabalhos que Baptistelli produziu após uma viagem de pesquisa a Brasília. Nela, o artista investigou as relações entre a cidade e sua expressão através de imagens, que revelam também sua imaginação e a do espectador. A “mostra-instalação” é articulada em diversas plataformas, de acordo com as diversas linguagens. Elas colocam em evidência o espaço da Galeria Fayga Ostrower, a cidade de Brasília e os elementos que as constituem, tais como arquitetura, urbanismo, contexto social e político e história – narrada a partir de imagens relacionadas à construção da capital. Na exposição o repertório do artista confronta o imaginário de Brasília com a experiência real de vivenciar o local. “Dessa forma, abre-se espaço para criação de novas perspectivas imagéticas, que dialogam, ao mesmo tempo, com a história da iconografia da capital brasileira e com a situação atual da cidade”, acrescenta Baptistelli.

A proposta de curadoria da exposição é baseada na elaboração em conjunto do projeto de exposição, pelo artista e pelo curador; bem como no acompanhamento do processo de criação. Bruno Baptistelli, e Tomás Toledo fizeram a viagem de pesquisa a Brasília simultaneamente. Isso possibilitou uma eixo comum para o desenvolvimento da mostra. Porém, essa base mantém as distinções de perspectivas do autor e do curador a respeito da cidade.

Sobre o artista
Bruno Baptistelli nasceu em 1985, em São Paulo, onde vive e trabalha. Formado em Artes Visuais pela Universidade Estadual de Campinas- Unicamp. Entre os anos de 2007 e 2010 formou, com Gustavo Pra frente, a dupla Bebaprafrente e atuando principalmente entre Campinas e Curitiba. Em 2010, retornou à capital paulista. Continuou sua pesquisa e produziu trabalhos, em sua maioria, de montagem e contexto específicos. Baptistelli trabalha com a “criação e a evidenciação de espaços”, processo que tem como base a localização geográfica da pesquisa, seus espaços e suas diversas relações, mediadas pela imagem que esses lugares têm na sociedade. Dentre suas últimas exposições destacam-se: Taipa-Tapume (Oficina Oswald) Galeria Leme, São Paulo, 2014; 9º Abre Alas – Galeria Gentil Carioca, Rio de Janeiro, 2013; 2 – Galeria Pilar, São Paulo, 2013 (individual);Volar, Galeria del Infinito, Buenos Aires, Argentina, 2012; Programa de Exposições 2011 – Centro Cultural São Paulo (CCSP), São Paulo, 2011 (individual); Portas Abertas – Workshop Mona Hatoum – Santander, Espanha, 2011.

Sobre o curador
Tomás Toledo nasceu em São Paulo, em 1986. Vive e trabalha na cidade. Formado em Filosofia pela PUC-SP, é curador e pesquisador de arte. Entre 2009 e 2013, atuou como coordenador da programação de cursos e atividades culturais da Escola São Paulo, onde organizou e produziu exposições de artistas como Thomas Hirschhorn, Janine Antoni e Paul Ramirez Jonas. Participou do PIESP 2013-14, programa de formação de artistas e curadores, com direção de Adriano Pedrosa, co-dirigido por Ana Paula Cohen. Realizou as seguintes curadorias: Exposição PIESP 2013-14, Casa Povo, São Paulo, 2014; Taipa-Tapume, Galeria Leme, São Paulo, 2014; HeistFilmsEntertainment (individual de Gustavo von Ha), MON – Museu Oscar Niemeyer, Curitiba, 2014; O enunciado em questão, Laboratório Curatorial da SP Arte 2013, São Paulo, 2013; Espaço urbano, Escola São Paulo, São Paulo, 2009. Atualmente, é assistente de curadoria do MASP.


Exposição

Narrativas Cotidianas
Projeto contemplado com o Prêmio Funarte de Arte Contemporânea 2014- Atos Visuais Funarte Brasília

Abertura: 28 de maio (quinta-feira), às 19h
Visitação: 29 de maio a 12 de julho de 2015 (segunda-feira a domingo), das 9h às 21h
Entrada franca

Galeria Fayga Ostrower
Complexo Cultural Funarte Brasília
Eixo Monumental, Setor de Divulgação Cultural – Brasília (DF)
(entre a Torre de TV e o Centro de Convenções)

Mais informações

atosvisuais@funarte.gov.br
Tels.: (61) 3322 2076 / 3322 2029