Início do conteúdo
Notícias Funarte inicia estudos para incentivar jovens a tocar instrumentos e formar orquestras

Funarte Notícias

Publicado em 17 de dezembro de 2019

Funarte inicia estudos para incentivar jovens a tocar instrumentos e formar orquestras

“Que cada cidade do Brasil possa ter uma orquestra sinfônica; e que cada jovem possa ter a chance de desenvolver seus talentos musicais”. Essa é a missão da nova iniciativa em planejamento na Fundação

Funarte inicia estudos para incentivar jovens a tocar instrumentos e formar orquestras Uma das oficinas socioeducativas_do programa Paineis Funarte de Musica Popular

No dia 13 de dezembro, uma das reuniões no Gabinete da Funarte foi com o compositor, produtor cultural e gestor musical Pablo Castellar – que foi diretor artístico da Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB). A conversa girou em torno de métodos de ensino orquestral para jovens e outras ideias para projetos de formação musical.

A Funarte iniciou esse tipo de diálogo com dois objetivos principais: que cada cidade do Brasil possa ter uma orquestra sinfônica; e que cada jovem possa ter a chance de desenvolver seus talentos musicais.

Pablo Castellar fez uma apresentação resumida de um sistema desenvolvido pelo Weil Music Institute, do Carnegie Hall, em Nova Iorque (EUA), o método, chamado de Link Up (“Conectar”), inclui material didático e tem uma proposta apresentada como revolucionária: fazer com que a criança ou jovem se sinta parte de uma orquestra. Castellar sugeriu à Funarte que, com suporte nesse sistema, construa a “orquestra em movimento”, que conectaria, por meio da internet, jovens de diferentes países num processo de treinamento musical. Aproximando os interessados por meio da tecnologia, além de o projeto estar direcionado ao desenvolvimento artístico e a cidadania do jovem, alcançaria objetivos de inclusão digital e social.

A reunião contou ainda com a presença da colunista, crítica e pesquisadora de música Maria Luiza Nobre, especializada na área de concertos e vice presidente da Associação comercial do RJ, entre outros.