Carlos da Silva Assunção Filho – Cafi (1950 – 2019) | Funarte – Portal das Artes
Você está em: Página Inicial › Funarte › Todas as notíciasCarlos da Silva Assunção Filho – Cafi (1950 – 2019)

Carlos da Silva Assunção Filho – Cafi (1950 – 2019)

Nota de pesar

Publicado em 3 de janeiro de 2019 Imprimir Aumentar fonte

A Fundação Nacional de Artes – Funarte lamenta a morte do fotógrafo e artista plástico Carlos da Silva Assunção Filho, mais conhecido como Cafi. Ele tinha 68 anos e sofreu um infarto na virada do ano, quando celebrava a chegada de 2019, na Praia do Arpoador, Zona Sul do Rio.

Cafi assinou mais de 300 capas de discos, algumas antológicas como a dos álbuns Clube da Esquina e Lô Borges, ambos de 1972. Trabalhou com grandes nomes da música brasileira, como Milton Nascimento, Lô Borges, Chico Buarque, Edu Lobo, Geraldo Azevedo, Nana Caymmi, Jards Macalé, Alceu Valença, Toninho Horta, entre outros.

Também registrou, por mais de 40 anos, o maracatu, manifestação folclórica típica de sua terra natal, Pernambuco. Entre as suas exposições individuais e coletivas, destacam-se: Fotografia Brasileira Contemporânea na Coleção Carlos Leal, Caixa Cultural Rio de Janeiro, Rio de Janeiro (2006); Sombra da Noite, Espaço Cultural Sérgio Porto, Rio de Janeiro (2002); A imagem do Som de Chico Buarque, no Paço Imperial, no Rio de Janeiro (1999); e Coleção Pirelli de Fotografia, Museu de Arte de São Paulo, São Paulo (1998).