‘Cantos de Coxia e Ribalta’, em cartaz na Sala Carlos Miranda | Funarte – Portal das Artes
Você está em: Página InicialAgenda CulturalTeatro‘Cantos de Coxia e Ribalta’, em cartaz na Sala Carlos Miranda

Agenda Cultural / Teatro

‘Cantos de Coxia e Ribalta’, em cartaz na Sala Carlos Miranda

Publicado em 28 de setembro de 2018 Imprimir Aumentar fonte
Cantos de coxia
Espetáculo 'Cantos de Coxia e Ribalta'. Imagem: divulgação.

Sobre o evento

No espetáculo, um grupo de atores se reúne na coxia de um teatro para contar a história de uma trupe em crise financeira, que corre o risco de perder sua sede em decorrência da especulação imobiliária. Um poeta é, então, encarregado de criar uma grande obra teatral que possa levar os artistas de volta aos tempos áureos. Essa é a última chance de o teatro sobreviver. Nesse contexto, são apresentados personagens inspirados na commedia dell’arte: o dono da companhia, um poeta, um músico, uma prima donna, um jovem ator sonhador e uma jovem atriz. Esses personagens passam a viver seus próprios conflitos, que se misturam com a história da peça que estão montando. Realidade e ficção tornam-se, assim, uma coisa só. O espetáculo faz uma abordagem poética da paixão, da desilusão, da entrega, da inveja, da competição, da morte e, principalmente, da superação dos obstáculos.

Cantos de Coxia e Ribalta foi criado por Alef Barros e Gustavo Dittrichi a partir de três vertentes artísticas: a commedia dell’arte, os ritmos musicais e o teatro narrativo brasileiros. A música e o texto são originais, com argumento inspirado na obra de Luis Alberto de Abreu, especialmente no texto O Auto da Paixão e da Alegria. Já a linguagem cênica é inspirada no musical Godspell, de Stephen Schwartz e John-Michael Tebelak. A trilha sonora – com arranjos musicais e composições gerais de Dario Ricco, Hiago Guirra e Marco De Laet e arranjos vocais de Joyce Roldan – busca referências nas obras de Chico Buarque, Baden Powell e Toquinho.

Sala Carlos Miranda – Complexo Cultural Funarte SP
(Alameda Nothmann, 1058, Campos Elíseos, São Paulo, SP)

Espetáculo: Cantos de Coxia e Ribalta
De 6 a 28 de outubro. Sábados, às 20h, e domingos, às 19h.
Ingressos: R$ 50 (meia-entrada: R$ 25) – Cartões não são aceitos
A bilheteria abre uma hora antes do espetáculo.
Vendas antecipadas pelo site: http://teatroluscofusco.wixsite.com/cantos/ingressos
Duração: 135 minutos. Classificação etária: 12 anos.

Fica técnica:
Ideia original e argumento: Gustavo Dittrichi | Música: Alef Barros | Dramaturgia: Gustavo Dittrichi, com base nas experimentações dos artistas | Arranjos musicais: Dario Ricco, Hiago Guirra e Marco de Laet | Arranjos vocais: Joyce Roldan | Direção musical: Marco de Laet | Direção geral e encenação: Gustavo Dittrichi | Coreografias e preparação corporal: Wellington Adélia | Cenografia: Jéssica Dittrichi | Figurinos e indumentária: Gustavo Dittrichi e Pedro Aldozza | Croquis originais de figurinos: Pedro Aldozza | Costura e confecção: Jacinta de Fátima Feitosa, Gustavo Dittrichi, Maria Parlângelo, Mari Perin, Gabriela Perin, Isabella Costa e Wellington Adélia | Maquiagem: Gisele Santos | Produção encarregada e stage management: Leandro Azevedo | Assistente de produção: Juju Bac | Elenco: Gustavo Dittrichi, Marco De Laet, Carolina Silveira, Igor Patrocínio, Joyce Roldan, Rodolfo Mozer, Yasmim Ribeiro, Beatriz Belintani, Isabella Costa, Lucas Sansi, Laís Helena, Marcelo Fagundes e Thami Kovalski | Músicos: Alexandre Cortina, Dario Ricco, Hiago Guirra, Kauê Marques e Rafael Gama | Operadores de luz: Juju Bac e Ronney Thiago | Operador de som e microfonista: Fernando Lima | Produtora associada: Foca Produções | Comunicação, divulgação e criação visual: GDArt | Fotos de divulgação: Allan Bravos, Gabriela Perin, Gustavo Zoppello e Juju Bac.

Mais informações:
(11) 3662-5177
(11) 3822-5671 (bilheteria – abre uma hora antes do espetáculo)
funartesp@gmail.com

Dia: 20 de outubro de 2018 Horário: 20:00 às 22:15 Local: Sala Carlos Miranda – Complexo Cultural Funarte SP. Alameda Nothmann, 1058, Campos Elíseos, São Paulo, SP.