Fórum Internacional de Dança (FID) é realizado em MG | Funarte – Portal das Artes
Você está em: Página InicialDançaTodas as notíciasFórum Internacional de Dança (FID) é realizado em MG

Fórum Internacional de Dança (FID) é realizado em MG

Funarte e Iberescena – representado no Brasil pela Fundação – apoiam o encontro, em Belo Horizonte, em cartaz até 14 de dezembro

Publicado em 5 de dezembro de 2018 Imprimir Aumentar fonte
Post_FID – Forum Internacional de Danca _2018
Cartaz (edição)

Com espetáculos, debates, e outras atividades, festival destaca produção de dança da região Ibero-americana. Ingressos são gratuitos ou têm preços populares

Com o tema Reciprocidades, o FID – Fórum Internacional de Dança 2018 promove, em vários espaços de Belo Horizonte (MG), várias atividades ligadas à dança e às suas múltiplas relações, até dia 14 de dezembro. Com ingressos gratuitos ou a preços populares, a programação têm o apoio da Funarte e foi contemplada pelo Fundo de Ajuda para as Artes Cênicas Ibero-americanas (Iberescena), representado no Brasil pela Fundação.

Com espetáculos, debates, palestras, lançamentos de revistas e exibições de vídeos, o FID é considerado o mais antigo festival independente da capital mineira. Integrante do núcleo de festivais independentes de artes cênicas, destaca-se como espaço para a produção e debate da cadeia produtiva de dança, e elemento de difusão dessa arte – por onde circulam peças reconhecidas, de artistas nacionais e internacionais.

A edição deste ano desenvolve a proposta de 2017: a criação de novas redes. Tem como meta aprofundar as relações de reciprocidades, colaboração, solidariedade e intercâmbio dos países das américas do Sul e Central e da Península Ibérica. A programação “destaca a rica produção de artistas do México, Argentina, Chile e Colômbia e de brasileiros do Distrito Federal e Minas Gerais”, dizem os organizadores.

Entre os destaques desta edição está a professora titular de Filosofia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Lívia Guimarães, que compartilha suas ideias a respeito de temas como “entendimento de corpo”; o idealizador da revista A Teatro, um dos produtores do Festival Latino Americano de Cádiz, responsável pelo Corredor Latino-americano de Teatro, o pesquisador Juan Pablo Ricauarte (Colômbia) – com atuação multidisciplinar como gestor cultural, é “uma das figuras mais importantes nas artes cênicas da América Latina”, segundo a artista e produtora cultural Adriana Banana, idealizadora do FID e uma de suas curadoras. Caroline Silas, coordenadora de comunicação do FID Desde 2015 e a curadora convidada, Cris Oliveira explicam que as apresentações selecionadas para este ano “privilegiam a particularidade de cada uma das companhias”, como potências que expandem a dança contemporânea a partir da região ibero-americana. “Nesta edição, o foco será na difusão da dança como ferramenta estratégica de compartilhamento da cultura entre países ibero-americanos. A proposta do FID’18 é mostrar que a dança também pode contribuir de forma determinante para o desenvolvimento social um mundo mais tolerante, equitativo, sustentável e humano”, salienta Caroline Silas.

Dança como plataforma de integração, cooperação e internacionalização

“Desde a edição de 2017, o FID trabalha pelo fortalecimento de sua plataforma para a internacionalização e incentivo à circulação de saberes, bens e serviços relacionados à dança”, não somente em Minas Gerais, mas em todo o Brasil e na América Latina. Como resultado do ano passado, registram-se apresentações e convites a grupos e artistas mineiros, realizados em 2018, no Uruguai, Colômbia e em outros países parceiros. Além disso, já está em curso a cooperação técnica e artística entre Equipe do FID e do festival Endanzante da Colômbia. Para 2019, estão previstas várias ações, como a circulação em Medellín (Colômbia), do acervo de videos do FID, a FIDoteca; a apresentação de brasileiros indicados pelo FID no Endanzante 2019; a realização de uma publicação em parceria entre os dois festivais e participação dos parceiros de ambos (eventos e organizações do Uruguai, Paraguai, Mali, Chile, Haiti, Suíça e de diversos Estados do Brasil); e a apresentação de outras companhias de dança da Colômbia no FID 2019.

A FIDoteca

Acervo de vídeos de todos os espetáculos já apresentados no FID, a FIDoteca fica instalada no Centro Cultural Vila Santa Rita e no Acervo Artístico Literário – Sesc Palladium, com prazo indeterminado. O conjunto reúne um dos repertórios de vídeos de dança mais ricos do país. O conteúdo está disponível gratuitamente para consultas, durante todo o ano. A FIDoteca é intinerante e já passou por Nova Limas (MG) e Belém (PA). A iniciativa colabora com o processo de educação em dança e mantém viva sua memória. Destina-se à pesquisa e estimula a produção de conhecimento. Em 2019, internacionalizou-se, sendo instalada na Colômbia, através das parcerias do FID em Medellíin/Antioquia como o Endanzante; a Cia. de Dança Al Paso Escénico; e a organização Tacita E Plata. Há ainda perspectiva de que a FIDoteca também possa partir para o Mali (África) e para o Haiti. O programa está ainda em busca de apoio para transporte e cópia de DVD’s.

FID Fórum Internacional de Dança 2018
De 24 de novembro a 14 de dezembro

Local: vários espaços culturais de Belo Horizonte

Apoio
Fundo de Ajuda para as Artes Cênicas Ibero-americanas (Iberescena)
Fundação Nacional de Artes – Funarte (representante da iniciativa no Brasil)

Próximas atrações do FID

05/12Quarta-feira
15h20 – Edson Beserra – O Homem na Prancha (BRASIL – DF)
Local: CCBB Centro Cultural Banco do Brasil – Teatros 1
Entrada Franca

19h – Al Paso Escénico/Johans Moreno – “Senectud” (COLÔMBIA)
Local: CCBB Centro Cultural Banco do Brasil – Teatros 2
Ingresso: R$ 10 inteira/R$5 meia entrada

20h – Edson Beserra – “O Homem na Prancha” (BRASIL – DF)
Local: CCBB Centro Cultural Banco do Brasil – Teatros 1
Ingresso: R$ 10 inteira/R$5 meia entrada

06/12Quinta-feira
14h às 17h  - Fórum Reciprocidades: Redes Locais – Festivais e organizações de dança de Belo     Horizonte e região. Com participação Juan Pablo Ricaurte (Colômbia).
Local: CCBB Centro Cultural Banco do Brasil – Sala 2º andar
Entrada Franca

07/12Sexta-feira
19h às 21h30 – Flaviane Lopes – videodança “Sinóvia” (BRASIL – MG)
- Fórum Reciprocidades: Corpos Particulares, Danças em Expansão – Com Profa. Lívia Guimarães (Filosofia – UFMG) e Adriana Banana (Idealização/ Coord. Geral FID)
Local: Palácio das Artes – Sala Juvenal Dias
Ingresso: R$ 4 inteira/ R$2 meia-entrada

08/12Sábado
17h às 21h30
- Flaviane Lopes (BRASIL – MG): “Ensaio para as almas” + videodança  “Sinóvia”
- Fórum Reciprocidades: conversa com Flaviane Lopes (BRASIL – MG) e Edson Beserra (BRASIL – DF) sobre suas criações e suas formas de fazer dança
- Palestra Gestão em Cultura como feito criador – Juan Pablo Ricaurte (COLÔMBIA)
Local: Palácio das Artes – Sala Juvenal Dias
Ingresso: R$ 10 inteira/ R$5 meia-entrada

10/12 – Segunda-feira
19h às 21h30
- Al Paso Escénico/ Johans Moreno – “Senectud” (COLÔMBIA)
- Lançamento da Revista que “A teatro” – edição dupla 22 e 23 – Juan Pablo Ricaurte (COLÔMBIA)
- Lançamento do Projeto Editorial Revista SURLREAL do FID (BRASIL) + ENDANZANTE (COLÔMBIA)
Local: Palácio das Artes – Sala Juvenal Dias
Ingresso: R$ 6 inteira/ R$3 meia-entrada

11/12Terça-feira
19h às 21h30 – Al Paso Escénico/Johans Moreno – “Senectud” (COLÔMBIA)
- Fórum Reciprocidades: conversa com Johans Moreno/ Al Paso Escénico (COLÔMBIA). Como a cultura popular e tradicional colombiana vira dança contemporânea.
Local: Palácio das Artes – Sala Juvenal Dias
Ingresso: R$ 6 inteira/ R$ 3 meia-entrada

13/12 – Quinta-feira
19h às 21h30 – Multidanças – “EnCOMtro, ou práticas de sobrevivência em tempos de guerra” (BRASIL/MG)
- Fórum Reciprocidades: conversa com integrantes do grupo Multidanças
Local: Palácio das Artes – Sala Juvenal Dias
Ingresso: R$ 10 inteira/ R$ 5 meia-entrada

14/12Sexta-feira
19h às 21h30 – Multidanças – “EnCOMtro, ou práticas de sobrevivência em tempos de guerra” (BRASIL/MG)
Fórum Reciprocidades: fechamento edição 2018 e pistas para sua continuidade.
Com organizadoras do FID, parceiros, artistas, grupos participantes e público.
Local: Palácio das Artes – Sala Juvenal Dias
Ingresso: R$ 10 inteira/ R$5 meia-entrada

Mais informações
www.fid.com.br
Rede social: FIDBRrasil