Espetáculo de dança ‘In(in)terrupto’, contemplado no Iberescena, faz curta temporada no Rio | Funarte – Portal das Artes
Você está em: Página InicialDançaTodas as notíciasEspetáculo de dança ‘In(in)terrupto’, contemplado no Iberescena, faz curta temporada no Rio

Espetáculo de dança ‘In(in)terrupto’, contemplado no Iberescena, faz curta temporada no Rio

A Funarte, como representante do Brasil no Fundo de Ajuda para as Artes Cênicas Ibero-americanas, apoia o projeto

Publicado em 15 de junho de 2018 Imprimir Aumentar fonte
Montagem de dança no Sesc – Divulgação
Montagem de dança no Sesc - Divulgação

A montagem In(in)terrupto estreia na próxima quinta-feira, dia 21 de junho, às 19h, no Sesc Ginástico, no Centro do Rio. O projeto foi contemplado no programa Iberescena 2018 – Apoio à Coprodução de Espetáculos Iberoamericanos de Artes Cênicas. A Funarte é a instituição que representa o Brasil no programa, composto por 14 países. As apresentações são realizadas de quinta a sábado, às 19h, e domingo, às 18h. O espetáculo fica em cartaz até o dia 24 de junho, com ingressos a preços populares.

A peça é dirigida pelo coreógrafo Renato Cruz. “O corpo, tal qual uma máquina, é cada vez mais exigido, porém, se antes o controle se exercia de forma externa em uma sociedade disciplinar, agora, ele cede cada vez mais a pressões internas”, afirma o diretor. In(in)terrupto é a segunda parte da trilogia sobre o tempo composta pelas obras Non Stop, encenada em 2015, e Contrafluxo, prevista para estrear em 2019. A montagem propõe uma discussão sobre o poder, o controle e a noção de corpo enquanto mercadoria.

Em In(in)terrupto questões tais como: “Quais são as peças da engrenagem que detêm o controle sobre os corpos e sobre a vida em nossa sociedade atualmente?” e “Que mecanismo é esse que decide o caminho da maioria e age como uma cela escura que te contém por dentro, borrando a visão e fazendo desaparecer a alteridade e a estranheza? vão emergir durante a apresentação coreográfica.

“A pressão por desempenho, a pressão por produção parecem ser os novos elos da corrente que nos une e nos transforma em agressores e vítimas, tudo ao mesmo tempo. Parar, resistir, permanecer. Para depois seguir. Inevitável é desfazer o equívoco desta ‘liberdade coercitiva’, diagnosticada pelo filósofo Byung-Chul Han. O sujeito é juiz e algoz de sua própria condição, numa sociedade caracterizada pelo excesso de estímulos, informações e impulsos”, reflete o criador da montagem, o bailarino Renato Cruz.

Serviço:

Espetáculo de dança In(in)terrupto
Temporada: de 21 a 24 de junho
Dias e horários: quinta a sábado, às 19h, e domingo, às 18h
Ingressos: R$ 30 (inteira), R$ 15 (meia) e R$ 7,50 (associados Sesc)
Atenção: entrada gratuita para estudantes de Artes Cênicas com documentação válida.

Ficha Técnica:

Direção geral, concepção e coreografia: Renato Cruz
Assistente de direção e preparação corporal: Aline Teixeira
Direção de produção: Steffi Vigio
Produtora local na Colômbia e nos ensaios: Diana Carolina Palacio
Intérpretes criadores (Cia Híbrida): Daniel Oliveira, Fábio de Andrade, Jefte Francisco, Luciana Monnerat, Luciano Mendes, Luidy Trindade, Raphael Lima e Renann Fontoura
Intérpretes criadores (Grupo D.A.D): Jorge Adrian Velásquez, Cristian David Suarez e Iván Camilo Vargas
Iluminação: Renato Machado
Pesquisa sonora: Aline Teixeira
Design gráfico: Isabela Schubert
Fotografia: Renato Mangolin

Integrantes brasileiros do projeto:
Direção artística: Renato Cruz da Silveira
Assistente de direção: Aline Teixeira
Direção de produção: Steffi Vigio
Intérpretes criadores (Cia Híbrida): Daniel Oliveira, Fábio de Andrade, Jefte Francisco, Luciana Monnerat, Luciano Mendes, Luidy Trindade, Raphael Lima e Renann Fontoura
Iluminação: Renato Machado
Design gráfico: Isabela Schubert
Fotografia: Renato Mangolin

Integrantes colombianos do projeto:
Produtora local na Colômbia e nos ensaios: Diana Carolina Palacio
Intérpretes criadores (Grupo D.A.D): Jorge Adrian Velásquez, Cristian David Suarez, Iván Camilo Vargas

Local: Teatro Sesc Ginástico
Av. Graça Aranha, 187
Centro – Rio de Janeiro (RJ)
Tel.: (21) 2279-4027

Montagem foi contemplada no programa Iberescena 2018 – Apoio à Coprodução de Espetáculos Iberoamericanos de Artes Cênicas