Início do conteúdo
Notícias Funarte participa da reunião do Conselho Intergovernamental do Iberescena, no Peru

Funarte Notícias

Publicado em 28 de novembro de 2019

Funarte participa da reunião do Conselho Intergovernamental do Iberescena, no Peru

Coordenação de Dança do Centro de Artes Cênicas é mandatária da Fundação, que representa o fundo internacional no Brasil

Funarte participa da reunião do Conselho Intergovernamental do Iberescena, no Peru

O coordenador de dança da Funarte, Fabiano Carneiro, é o representante da entidade na XXVII Reunião Ordinária do Conselho Intergovernamental do Iberescena, realizada de 26 a 29 de novembro em Lima, no Peru. Formado por 15 países, o Fundo de Ajuda para as Artes Cênicas Ibero-americanas (Iberescena) tem a Fundação Nacional de Artes como sua representação oficial no Brasil.

Na reunião, o colegiado decide quais serão os projetos contemplados nas três categorias de concursos do Programa Iberescena: apoio a Festivais e Espaços cênicos para programação de espetáculos; apoio a coprodução de espetáculos ibero-americanos; e apoio a processos de criação dramatúrgica e coreográfica em residência. O valor das premiações varia entre 15 mil euros e 30 mil euros. Além da escolha, também haverá eleição para a presidência do Conselho.

Após o encerramento da assembleia, terá lugar o Encontro Internacional de Artes Cênicas Iberescena. Aberto à classe artística e ao público em geral, o evento inclui debates relevantes para a cadeia produtiva artística das américas e da península-ibérica – alcançada pelo Iberescena. Na conferência são realizadas três mesas de diálogo, intituladas: Políticas públicas para as artes cênicas: conceitos, ações, resultados; Circuitos internacionais para as artes cênicas: rotas de intercambio e formação de redes (para a qual o representante do Brasil foi convidado a realizar uma explanação); e a mesa Criação atual em artes cênicas: comunidade, memoria e novas pesquisas.

Sobre o Iberescena

O Iberescena – Fundo de Ajuda para as Artes Cênicas Ibero-americanas desenvolve seu programa de apoio por meio de editais públicos, abertos a todos os países integrantes. A iniciativa tem por objetivo incentivar as manifestações de circo, dança, teatro e linguagens afins, promover o contato entre os países-membros e entre seus realizadores de arte, o estímulo a trocas de informação e conhecimento e estimular outros intercâmbios artísticos. Dessa forma, atua para ampliar uma rede ibero-americana de diálogo e apoio recíproco na área das artes cênicas.

O Iberescena foi criado pelos chefes de estado participantes da XVI Cúpula Ibero-Americana. Além do Brasil, o fundo é composto pelos seguintes países: Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Espanha, México, Panamá, Paraguai, Peru e Uruguai e Portugal – a nação mais recente a assinar participação no Fundo, em outubro de 2019. Todos os países membros atuam em conjunto para a realização das atividades, juntamente com a Secretaria Geral Ibero-americana e a Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento.

A importância do Iberescena para o Brasil

O Brasil integra programa desde 2010. Segundo o coordenador de dança (área ligada ao Centro de Artes Cênicas) da Funarte, “O Iberescena é uma das mais abrangentes ações de internacionalização da Funarte. Fabiano acrescenta que a iniciativa fortalece o relacionamento do Brasil com outros países: “Antes, o Chile tinha mais conexão com países da Europa do que com o Brasil, por exemplo, e isso mudou. Existem interlocuções muito significativas. Temos uma série de desdobramentos a partir de projetos contemplados em outras edições”, destaca.

O foco dos editais do programa

Algumas das metas do Iberescena são: promover as atividades das artes cênicas com linguagens inovadoras e novas expressões, que dialoguem com a cena contemporânea; incentivar a distribuição, circulação e promoção de espetáculos ibero-americanos; estimular as coproduções de espetáculos entre produtores públicos e/ou privados da cena ibero-americana e promover a sua presença no espaço cênico internacional; promover a criação de obras de autores ibero-americanos nessa área artística; apoiar os espaços cênicos e os festivais ibero-americanos, para que priorizem em sua programação produções regionais; incentivar o aperfeiçoamento profissional em circo, dança, teatro e manifestações afins; promover a colaboração e harmonia com outras iniciativas na área de artes cênicas – entre outros alvos.

Mais informações: www.iberescena.org

No Brasil: danca@funarte.gov.br