Mesa-redonda encerra mostra de Fernando Vilela em São Paulo | Funarte – Portal das Artes
Você está em: Página InicialArtes VisuaisTodas as notíciasMesa-redonda encerra mostra de Fernando Vilela em São Paulo

Mesa-redonda encerra mostra de Fernando Vilela em São Paulo

Paulo Miyada, Elisa Bracher e Fabrício Lopez têm presença confirmada ao encontro, que discutirá “A Escala da Gravura como Escala da Cidade”.

Publicado em 11 de agosto de 2011 Imprimir Aumentar fonte

Exposição de Fernando Vilela na Funarte SP

O artista plástico, educador e ilustrador Fernando Vilela participa nesta quinta-feira, 18 de agosto, no Complexo Cultural Funarte São Paulo, da mesa-redonda sobre gravura contemporânea “A Escala da Gravura como Escala da Cidade”.  Além de Vilela, estarão presentes ao debate o pesquisador e curador Paulo Miyada e os artistas visuais Elisa Bracher e Fabrício Lopez. A entrada é gratuita.

O encontro marca o encerramento da mostra Caçada – deslocamentos gráficos, de Fernando Vilela, contemplada pelo Prêmio Funarte de Arte Contemporânea 2010 e em exibição no Complexo Cultural Funarte São Paulo desde 28 de maio de 2011.

A instalação premiada estará aberta à visitação até 18 de agosto, também com entrada franca. A partir dela, os debatedores convidados estabelecerão com o público uma conversa sobre as possibilidades de diálogo entre a gravura, a representação e a construção da cidade. É este, exatamente, o tema de Caçada – deslocamentos gráficos, em que Fernando Vilela trabalha elementos gráficos e arquitetônicos do entorno do prédio da Funarte, no centro da cidade de São Paulo, e os relaciona com o espaço de 233 metros quadrados da galeria Mário Schenberg.

Com a proposta de estimular a diversidade de tendências e linguagens nas suas múltiplas modalidades de manifestação, o Prêmio Funarte de Arte Contemporânea 2010 efetuou um investimento de R$ 930 mil para a realização de 15 exposições de artes visuais, entre 2010 e 2011, nos espaços da Funarte em Belo Horizonte, Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo.

Sobre o artista – Nascido em São Paulo em 1973, Fernando Vilela é artista plástico, ilustrador, autor, possui graduação em artes plásticas pela Unicamp e mestrado em artes pela eca-usp. Como artista plástico, desenvolve trabalhos com gravura, desenho, colagem, escultura, instalação e fotografia. Já realizou diversas exposições individuais de seu trabalho e participou de importantes mostras coletivas Brasil e no exterior. Em São Paulo Fernando é representado pela Galeria Virgilio (www.galeriavirgilio.com.br).

Com livros publicados em mais de sete países, foi premiado no Brasil com três prêmios Jabuti em 2007. Neste mesmo ano, recebeu no exterior a Menção Honrosa Internacional do Bologna Ragazzi Award pelo seu livro Lampião e Lancelote (Cosac Naify, 2006).

Site do Artista: www.fernandovilela.com.br
Blog da exposição: http://vilelafernando.blogspot.com/

Mesa-redonda: “A Escala da Gravura como Escala da Cidade”
Dia 18 de agosto
Quinta-feira, das 20 às 22h
Participantes: Paulo Miyada (pesquisador e curador), Elisa Bracher (artista plástica), Fabrício Lopez (artista plástico e educador) e Fernando Vilela (artista plástico, educador e ilustrador).
Entrada franca (é recomendável chegar com 15 minutos de antecedência)

Exposição “Caçada- Deslocamentos Gráficos”, de Fernando Vilela
Projeto contemplado com o Prêmio Funarte de Arte Contemporânea 2010
Até 18 de agosto
De segunda a domingo, das 14 às 22h
Entrada franca


Galeria Mário Schenberg do Complexo Cultural Funarte São Paulo
Alameda Nothmann, 1058, Campos Elíseos, São Paulo, SP
Informações: (11) 3662-5177