Início do conteúdo
Notícias Exposição “Pariwat Jenipapo”, de Denis Rodriguez, estreia em Belém (PA)

Funarte Notícias

Publicado em 9 de dezembro de 2016

Exposição “Pariwat Jenipapo”, de Denis Rodriguez, estreia em Belém (PA)

Projeto foi contemplado pelo Programa Rede Nacional Funarte Artes Visuais e tem entrada gratuita

Exposição “Pariwat Jenipapo”, de Denis Rodriguez, estreia em Belém (PA) Obra de Denis Rodriguez – Divulgação

No próximo domingo, dia 11 de dezembro, às 15h, a Associação Fotoativa, de Belém (PA), abre suas portas à exposição Pariwat Jenipapo, com entrada gratuita. E o público pode contar, ainda, com uma visita guiada conduzida pelo próprio artista Deniz Rodriguez por suas obras. A mostra faz parte do projeto Não sou daqui, nem sou de lá – gestão, curadoria e residência artística em rede, contemplado pelo Programa Rede Nacional Funarte Artes Visuais 12ª Edição. A exposição traz obras inéditas concebidas em suportes variados, como instalações, fotografias e vídeos. Os trabalhos apresentados são resultados dos diversos encontros que o artista fez na cidade, alguns deles antes mesmo de sua chegada. A mostra fica em cartaz até o dia 11 de fevereiro de 2017, com visitação de segunda a sexta, das 13h às 19h e aos sábados, das 9h às 13h.

Sobre a mostra
O borboletário do Mangal das Garças foi idealizado durante seu voo de vinda; os primeiros contatos com o Porto Vasconcelos e o Seu João; a residência do coletivo Aparelho no Porto do Sal; a descoberta do cemitério de barcos na região portuária da Cidade Velha, ao lado da fotógrafa Débora Flor; a esquecida fábrica de velas encontrada entre as frequentes pedaladas pelo bairro; resistência do tempo também na farmácia Fialho, à beira da Presidente Vargas que, sem esperar, num percurso de bicicleta atraiu a vista do artista e o mergulho no arquivo de fotografias de Miguel Chikaoka, que traçam um percurso vivido na cidade dos anos 1980 e 1990, estão entre os destaques da mostra.

O encontro com a antropóloga Cynthia Cárdenas e com os povos indígenas Tembé, Kayapó e Gavião permitiu a Denis Rodriguez experimentar a pintura corporal e se somar ao coro dos que ainda reivindicam saúde básica e direitos indígenas no Brasil. Durante os trabalhos, o artista contou com o acompanhamento crítico-curatorial de Camila Fialho, do Núcleo de Pesquisa e documentação da Fotoativa, que assina o texto da exposição.

Sobre o artista
Denis Rodriguez é graduado em fotografia pela Universidade de Westminster, Londres. Mestrando em História, Teoria e Crítica pela UFRGS. É artista-gestor da galeria Península, Porto Alegre (RS), onde coordena o programa de residências artísticas. Em suas instalações, ações, fotografias, vídeos e objetos, o elemento água aparece como medium e discurso. Entre suas últimas exposições destacam-se: Waterscapes (coletiva), FATVillage Arts District, Miami (EUA), de agosto a outubro de 2016; Preto sobre preto em fogo (solo), Pera de Goma, Montevideu (Uruguai), junho de 2016; Água Viva (solo), Galeria Península, Porto Alegre (RS), junset 2015; Farol (solo), vitrine MASP, São Paulo (SP), de agosto a novembro de 2014; Horizonte à venda (coletiva), Casa de Cultura Mario Quintana, Porto Alegre/RS, setembro de 2013.

Serviço:

Abertura da exposição Pariwat Jenipapo, de Denis Rodriguez

Dia 11 de dezembro, domingo, às 15h – Visita guiada com o artista
Temporada
: Até o dia 11 de fevereiro de 2017
Visitação:
Segunda a sexta, das 13h às 19h e aos sábados, das 9h às 13h
Local: Associação Fotoativa – Praça das Mercês, 19 – Centro Histórico, Belém (PA)
Atenção: Galeria fechada no recesso de fim de ano – De 23 de dezembro a 5 de janeiro

Projeto foi contemplado pelo Programa Rede Nacional Funarte Artes Visuais 12ª Edição